Bem vindas!

Lanterna e Shamira, nossas companheiras de pedal.

Lanterna e Shamira, nossas companheiras de pedal

 

Depois de muito tempo e tantos medos, convenci o marido de que precisávamos realizar logo o nosso projeto ciclístico. Se fosse para desistirmos, que pelo menos fosse de algo que havíamos tentado. Pois é, esqueci de contar que o marido entrou na história por livre e espontânea pressão. Já que era tão perigoso para uma mulher pedalar, ele ia junto. E assim nós dois faríamos exercícios ao ar livre. Hoje em dia já não tenho tanto medo de pedalar sozinha.

Para nos ajudar a entrar no mundo das bicicletas procurei grupos organizados em Fortaleza. Eles reivindicam melhorias na cidade para que o uso das bicicletas se torne mais seguro. E claro, entendem muito de bicicletas e ciclismo urbano. Um desses grupos é o Massa Crítica, que é parte de um movimento presente em diversas cidades pelo mundo. Comecei a trocar ideias com essas pessoas pela Internet, fui em encontros realizados mensalmente para conversar sobre a rotina de quem pedala e também para experimentar bicicletas. Eles me deram conselhos sobre onde procurar, que tamanho escolher e como encarar desafios urbanos fortalezenses, como o calor e a violência. Descobri que há gente que há anos pedala pela cidade inteira e que muitos moram na periferia, assim como eu.

Com isso, me senti mais segura e finalmente Shamira e Lanterna, nossas Tito Urban rosa e verde, entraram para a família. Agora somos dois jornalistas, quatro gatos e duas lindas bikes. 🙂

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s