Vi de Bike – Louise Brandão

Sorriso que contagia

Sorriso que contagia

Essa criatura linda na foto é a estudante de farmácia Louise Brandão, de 23 anos. Eu a conheci na maravilhosa roda de conversa com mulheres que pedalam aqui em Fortaleza, e suuuper curti a energia da moça. Claro que ia rolar um Vi de Bike com ela, né, gente?

A história da Louise é um pouco parecida com a minha, com a diferença de que ela experimentou a vida de motorista quando fez 18 anos e comprou um carro (até tenho carteira, mas não cheguei a comprar um veículo motorizado). Só que esse meio de transporte não se mostrou nada sustentável para sua vida financeira, então ele foi deixado de lado. Em 2011, o bichinho ciclístico, simpático e naquele momento, cheio de mistérios, chamado ciclismo urbano a mordeu. E aí, ela teve a ideia de usar a bicicleta para se locomover, mas se assustou com a experiência.

“Comprei a bicicleta e fui andar pelas ciclovias. Na hora de ir pra rua, travava completamente. O trânsito não ajudava; os motoristas buzinavam, passavam muito perto e  muito rápido. Cada buzinada ou aproximação de um carro e eu me retesava toda”, conta. Para piorar, as pessoas sempre davam conselhos apavorados à moça, falando de assaltos iminentes e de como essa ideia maluca tinha mil possibilidades de dar errado. Nossa, como isso soa familiar.

Por um tempo, Louise se convenceu de que não seria possível realizar sua vontade, embora ainda quisesse muito. Então, no final de 2014 a bicha encasquetou que ia pedalar sim, senhora. Não teve medo, nem conselho que a fizesse mudar de ideia. Decidiu que essa seria uma das muitas transformações que estava promovendo em sua vida naquele momento.

Então, começou a correr e a malhar para adquirir condicionamento físico. Pediu ajuda de uma Bike Anjo, pedalou nas ciclofaixas de lazer para perder, aos poucos, o medo dos carros. Um belo dia se arrumou, botou a mochila e foi! #destruidoramesmo \o/

Transformação

Toda essa superação pela qual Louise teve que passar lhe rendeu ótimos frutos. Hoje ela pedala cerca de 25 km por dia, sendo por volta de 12 km cada trajeto. “Chego na faculdade feliz, acordada e tenho um rendimento nas aulas muito melhor. Acho que isso resume a minha relação com a bicicleta. Pra mim ela simboliza transformação, determinação e liberdade”, orgulha-se.

“Saio da Aldeota pro Pici em uns dias e da Aldeota pro Rodolfo Teófilo em outros. E alguns dias ainda tenho que  pedalar a distância entre o Pici e o Rodolfo Teófilo, quando tenho aula em campus diferentes. Nesses dias, deve dar uns 28 km no total. Acho que minha velocidade média deve ser uns 15 km por hora”. Tem pique, né? E ela garante que chega bem mais rápido de bike do que de carro ou ônibus.

Como acontece com todo mundo que escolhe a bike como meio de transporte, ela lamenta a hostilidade dos motoristas violentos que ainda existem. Mas ela não desiste, e quando precisa de dicas ou inspiração para resolver alguma dificuldade relacionada ao pedal, procura pelas informações. Algumas de suas fontes são o De Bike na Cidade (o mar maió, o mar milhó), o PedalGlamour e o Vá de Bike.

Estilo

Para cumprir as atividades do cotidiano, ela não tem muitos truques, apenas coloca as mesmas roupas que usaria se estivesse a pé, carro ou ônibus. Achei muito interessante ela sempre pedalar com mochila. Pra mim, o bagageiro é essencial, e pedalar usando bolsas me incomoda, tanto por aumentar o calor quanto por me dar dores nas costas. Mas isso só prova que cada um tem seu jeitinho de descobrir e viver sua relação com a bicicleta. E só tem uma maneira de descobrir a sua: pedalando!

Um abraço e vamos pedalar!

Anúncios

Um comentário sobre “Vi de Bike – Louise Brandão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s